ESPECIARIAS – PIMENTA DEDO-DE-MOÇA E PIMENTA ROSA

PIMENTA DEDO-DE-MOÇA: capiscum bacatum, com seu nome científico. É conhecida também como pimenta calabresa, quando já está seca e moída. Tem picância média e aroma suave. Pode ser encontrada fresca, em conserva e seca.
Na hora de escolher evite as murchas e prefira as mais firmes e brilhantes.
Muito utilizada em várias preparações desde o prato principal até uma sobremesa, como: geleia, ganaches de chocolate com pimenta, compotas de frutas, entre outros.
Dica: se for cortar muitas pimentas para fazer geleia, use luvas para que não queimar os dedos por causa da ardência.

ATENÇÃO: o uso na confeitaria deve ser sutil, deve compor o sabor do doce e não sobressair.

PIMENTA ROSA: originária da América do Sul e sua árvore é aroeira. Adaptou bem nos países do Oceano Índico. Não deve ser confundida com as pimentas do reino.
Tem sabor adocicado e perfumado, mas não deve ser usada com exagero.
Pode ser usada para aromatizar brigadeiros, ganaches, cremes, pudins e frutas, mas prefira fazer infusão ou usar moída. Em bolinhas somente nas decorações porque a casquinha pode ser desagradável ficar retirando toda hora.

MACARONS COM GELEIA DE PIMENTA DEDO-DE-MOÇA

Massa(*):
60 g de açúcar refinado
130 g de claras
180 g de farinha de amêndoa
320 g de açúcar de confeiteiro

Separe os ingredientes.
Peneire a farinha com o açúcar de confeiteiro. Reserve.
Bata as claras até ficar mais firme, acrescente o açúcar até formar o merengue francês.
Junte o merengue com a mistura reservada.
Incorpore delicadamente até obter uma massa homogênea, lisa e brilhante.
Coloque no saco de confeitar e pingue em uma folha de silpat círculos de 4 cm, aproximadamente.
Dê leve batidinhas na forma e deixe descansar por 30 minutos.
Asse em forno 150 graus por 20 minutos.

Dica: se a farinha de amêndoa estiver úmida, dê uma rápida secada no forno em temperatura baixa. Deixe esfriar antes de usar.

(*) Receita do livro Laroussse da Confeitaria, Le Cordon Bleu

Geleia de pimenta dedo de moça
100g de pimenta dedo-de-moça sem as sementes
150g de açúcar
60g de água

Para retirar as sementes da pimenta sugiro que utilize uma luva, caso seja a pele seja sensível.
Corte no sentido do comprimento e retire as sementes.
Bata tudo no liquidificador e coloque na panela e cozinhe até atingir 90°C ou ponto de pires.
Coloque em um vidro esterilizado para esfriar.
Para rechear os macarons use um saco de confeitar.

Geleia de morango para recheio

300 g de morango, aproximadamente 1 caixa
150g de açúcar

Em uma panela, coloque os morangos limpos e cortados e o açúcar. Leve ao fogo alto e cozinhe até os morangos estarem desmanchados e atingir a temperatura de 90°C ou o teste do pires.

Ganache de chocolate branco

300g de chocolate branco
100g de creme de leite de fresco

Coloque o chocolate em uma tigela e reserve.
Na panela aqueça o creme de leite e coloque sobre o chocolate, deixe por 10 minutos amolecendo o chocolate, depois mexa do centro para fora para uniformizar a ganache. Deixe de um dia para outro na geladeira, ou pelo menos, 8 horas na geladeira. Passado esse tempo, retire e deixe em temperatura ambiente.

A textura é cremosa para colocar no saco de confeitar para rechear o macarons.

Montagem:

Separe os macarons por tamanho.
Com a ganache, faça um “ninho” com buraco no meio para acrescentar as duas geleias.
*Tenha cautela com a geleia de pimenta para não exagerar.

Sirva com champagne.

Veja no instagram da @deliciando e pelo Facebook – Deliciando.com.br

 

ESPECIARIAS – NOZ MOSCADA E PACOVÁ

NOZ MOSCADA: originária das Ilhas Molucas, na Indonésia. Atualmente muito bem adaptada nas Antilhas. Levada pelos árabes para o Ocidente e somente alguns mercadores conheciam sua origem, contribuindo para que fosse muito valiosa na Europa. Alguns países tentaram ter o monopólio, mas não tiveram êxito.

Pode ser encontrada inteira ou em pó. Como todas as especiarias é melhor quando moída na hora para que o sabor possa ser conservado melhor. Utilizada na medida certa, confere um sabor delicado aos pratos.

Usa-se em molhos brancos, à base de ovos e/ou no preparo de pães, biscoitos, bolos, bebidas, cremes, pudins, pão de mel e coquetéis.

*uma noz moscada inteira equivale a 3 colheres de chá dela moída.

PACOVÁ: origem Brasil, facilmente encontrada na Mata Atlântica. Em tupi-guarani significa folha enrolada, também é popularmente conhecida como filodendro, babosa de árvore ou babosa de pau. O aroma é um misto de gengibre com cardamomo.

Como usar: triturada ou infusão

Açúcar de pacová (dica da @neiderigo)

Soque e peneire açúcar e sementes de pacová a gosto. Use o açúcar para adoçar chás, cafés, refrescos e drinques.

ARROZ DOCE CREMOSO

2 xícaras de arroz para sushi
1 litro de leite integral
500 ml de creme de leite fresco
3 xícaras de chá de açúcar
1/2 xícara de chá de coco ralado
2 sementes de cumaru
3 bagas de pacová
4 folhas de limão kaffir
Gengibre em pó a gosto
Canela em pó a gosto

Separe os ingredientes.
Corte o cumaru ao meio. Abra as bagas do pacová e retire as sementes. Lave as folhas de limão kaffir.
Em uma panela de fundo largo coloque as especiarias e leve ao fogo para dar uma breve tostada para soltar mais sabor.
Adicione os demais ingredientes e deixe cozinhar no fogo baixo para que dê tempo de ficar bem aromatizado.
Mexa de vez em quando para não queimar.
Quando o arroz já estiver cozido e o caldo cremoso.
Polvilhe cumaru ralado e sirva quente ou frio.

Veja no instagram o modo de preparo no IGTV da @deliciando e pelo Facebook – Deliciando.com.br

 

 

ESPECIARIAS – CÚRCUMA E ERVA-DOCE

CÚRCUMA DA TERRA: trazida para o Brasil pelos portugueses, é obtida moendo a raiz de uma planta da família do gengibre, de cor amarela e de aroma penetrante, gosto ligeiramente amargo. Conhecido também açafrão-da-terra ou gengibre dourado. Experimente em pães, bolos, biscoitos, cremes e tortas. Pelo sabor levemente amargo é importante usar quantidades pequenas.
Como usar:
– Em pó: aplicar direto na receita;
– A fresca: ralar e fazer infusão na água/leite ou aplicar direto na receita.

ERVA-DOCE: É uma das especiarias mais antigas e a sua origem é do Oriente Médio. Servem para aromatizar um delicioso chá e, também em receitas com carne suína. Na confeitaria suas sementes são usadas em doces, bolos, biscoitos, tortas, creme e até brigadeiro.
Como usar:
– Se for para creme é melhor fazer a infusão;
– Se for para massas pode aplicar direto.

TORTA DE PERA COM CÚRCUMA

Massa Sucrée: (*)
250 g de farinha de trigo
120 g de açúcar de confeiteiro (glaçúcar)
3 gemas
140 g de manteiga sem sal fria cortada em cubos
Bata a manteiga até ficar cremosa com batedor globo. Acrescente o açúcar e misture com uma espátula para misturar e depois volte para a batedeira e bata até branquear. Coloque as gemas uma a uma e bata bem a cada adição.
Peneire a farinha sobre a misture de açúcar manteiga. Misture com uma espátula e volte a batedeira, mas atenção: troque para o batedor raquete para ligar bem os ingredientes. Depois embale com plástico filme e leve à geladeira por, no mínimo 30 minutos.

Recheio: Peras (**)
4 peras maduras
250 ml de água
45 g de açúcar refinado
Suco de 1 laranja
Descasque as peras, corte ao meio e retire os caroços. Na panela, coloque todos os ingredientes e leve ao fogo. Quando levantar fervura, marque 5 minutos e escorra as peras. Reserve.
Depois que esfriar fatias no sentido do comprimento para rechear a massa.

Recheio: Creme (**)
200 ml de creme de leite fresco
2 gemas
1 ovo inteiro
2 g de cúrcuma fresca ralada (fica bem suave)
30 g açúcar refinado
Misture todos os ingredientes e reserve.

Montagem:
Abra a massa, forre a forma.
Arrume as peras fatias dentro da massa.
Cubra com o creme e leve ao forno pré-aquecido a 180° graus.
Asse por 25 minutos ou até o creme ficar dourado e firme.

(*) Receita do livro Técnicas em Confeitaria, Mausi Sebess, Senac

(**) Receita adaptada do livro Misturando Sabores, Nelusko Linguanotto Neto, Senac

Pode servir quente com sorvete de baunilha e calda de chocolate ao leite, mas te garanto que quase não dará tempo para a foto..rsrsrs

Veja no instagram o modo de preparo no IGTV da @deliciando e pelo Facebook – Deliciando.com.br

 

MASSA FERMENTADA

É aquela que precisa de fermento biológico seco ou fresco em sua elaboração, a característica principal é o tem de fermentação, a elasticidade e a textura muito alveolada.

Algumas das preparações feitas com esse tipo de massa são:– Brioche: origem francesa, com alto teor de manteiga. Podem ter modelagens diferentes como: nanterre, mousseline, à tetê e a trança;

– Sonho: origem portuguesa. É a massa tipo brioche frito ou assado costuma ser recheado com creme de confeiteiro ou doce de leite e polvilhado com açúcar;

– Panetone: origem italiana. É uma massa enriquecida com frutas cristalizadas ou com gotas de chocolate. Usualmente servido no Natal e Ano Novo;

– Colomba pascal: variação da massa do panetone sendo cobertura com uma mistura de claras, castanhas e açúcar;

– Pandoro: típico de Verona, também conhecido como “pão dourado” pela sua cor amarelada no interior da massa;

– Baba ao rum (baba au rhum): origem eslava, porém é questionada por outros países como Ucrânia, Rússia e Polônia. Foi adaptado na França e acrescentado uvas passas umedecidas com calda ao rum por causa de Stanislas Leczinski, sogro do rei francês Luís XV.

– Savarin: uma variação do baba ao rum, porém a massa é mergulhada em outro tipo de bebida alcoólica e servida com chantilly. O nome foi uma homenagem ao gastrônomo francês Brillat-Savarin.

– Croissant: significa crescente, ou meia-lua. É uma massa semi-folhada fermentada para desenvolver maciez e alvéolos. Diferentemente da massa folhada para sobremesa que a textura é fina e crocante.– Cinnamon rolls: origem sueca. É um pãozinho no formato de caracol aromatizado com canela (cinnamon) com cobertura de fondant.

– Donuts: origem disputada entre Holanda, Dinamarca. Foi levada para o EUA através de gerações. Um bolinho frito no formato de uma boia, pode ser recheado ou não, mas não pode faltar uma boa cobertura bem açucarada. O donuts mais famoso é o com cobertura rosa que aparece no desenho dos Simpsons;

*Aqui falarei somente das massas de pães doces. Para os demais pães vou deixar para quem é especialista em pães salgados porque há muitas variações de técnicas e preparações.

Acompanhem também pelo @deliciando e pelo Facebook – Deliciando.com.br

MASSA COZIDA (PÂTE À CHOUX)

Choux em francês significa repolho e refere-se à forma irregular que assume quando assada. A massa choux é mais uma das preparações clássicas da confeitaria francesa. Híbrida entre massa firme e massa líquida, é cozida duas vezes: no início é cozida para secar a massa e depois assada para crescer e ficar oca para ser recheada com cremes doces ou salgados.Conta a história que as origens vêm do século XVI e originalmente a massa era feita com batatas. Esse prato é feito atualmente e é conhecido como pommes dauphine.Os tipos de sobremesas são:

Bomba ou éclair: surgiu em Lyon no final do século XIX. São doces de porção individuais com recheios cremosos e coberturas brilhantes e que não escorram, por exemplo: chocolate ou glaçagem mais firme.
Carolinas ou profiteroles: de formato redondo, recheados com creme e cobertura com chocolate.
Croquembuche: uma torre de carolinas recheadas e coberturas com calda de caramelo.
Paris-brest: é um doce tradicionalmente com formato de uma roda porque foi inspirado em uma corrida ciclística entre Paris e Brest. Geralmente recheado com um creme Paris-brest e polvilhado com amêndoas laminadas e açúcar impalpável.
Churros: de formato comprido como um cordão, são fritos por imersão. Atualmente também é possível fazê-lo assado.

Acompanhem também pelo @deliciando e pelo Facebook – Deliciando.com.br

Cupcakes com tema Tsuru

Conhece o tsuru?

Tsuru é uma ave sagrada do Japão. É o símbolo da saúde, da boa sorte, felicidade, longevidade e da fortuna.

Diz a lenda japonesa que se a pessoa fizer 1000 tsurus usando a técnica do origami – a arte secular de dobrar o papel – com o pensamento voltado para um desejo, ele poderá se realizar. (fonte: Google)

E aí recebi essa encomenda fofa que fazer alguns cupcakes com o tema!

Eles foram recheados com brigadeiro de limão e a massa de chocolate.

cupcakes_tsuru

Quer encomendar?

Entre em contato: andrea.janaina@deliciando.com.br ou pelo whatsapp (11) 99724-7342

Geleias caseiras e deliciosas!

Oiiii…

Aprendi a gostar de geleias, me interessei em fazê-las e agora temos para encomendas! 🙂

geleias5

Consulte-nos sobre os sabores!

geleias6

geleias4Serve também paras festas com os temas Piquenique, Fazendinha e para o Chá das Princesas…

geleias

Contate-nos: andrea.janaina@deliciando.com.br ou whatsapp (11) 99724-7342

Smash the cake: Circo do Pietro

Aqui na nossa cozinha o tema circo está em alta! Acho que porque é um tema super colorido e divertido para os bebês.

O Pietro não quis se melecar, mas curtiu fazer a sessão de fotos!

circodopietro

circodopietro3

Vejam as fotos da Bete Sozza e o ensaio completo aqui.

A decoração feita pela Farfalla Arte Personalida by Patrícia Paladino

Quer encomendar o bolo??

Entre em contato: andrea.janaina@deliciando.com.br ou whatsapp (11) 99724-7342

Siga-nos no Instagram e no Twitter: @deliciando

4º Encontro de blogueiros de São Paulo e Interior – #4EBSPI – parte 1

encontro  layout

Quem me acompanha sabe que estou sempre participando de eventos, né? Tantos que não estou nem tendo tempo para escrever sobre eles, mas esse encontro é anual e muito legal de participar.

Quando juntam pessoas que gostam de comer e de falar, fotografar, escrever sobre comida o que acontece? Encontro de blogueiros… 😉

Encontro muita gente nova e reencontro pessoas fantásticas!

fabiracheleeu

Fabiola Sousa, do Brie com Goiabada, Rachel Azevedo,  do blog Nabiroskinha e eu

fabisimoeu

A Fabíola, eu e a Simony Fragoso do Mundo da Mony e organizadora do evento.

roberto_eu_vera_valdeci

Roberto Kisz, da Fres-coco, eu, a Verinha, do Verinha Arte e Sabor e o Claudinei, da Mavalério

danieeu

Eu e a Dany, da Choco Dany

Além de muita comidas preparada pelos blogueiros!

foto_mesa

foto_mesa2

foto_mesa3

foto_mesa4

foto_mesa5

foto_mesa6

foto_mesa7

E teve muita mais comidas que foram chegando durante todo o dia. Esse ano levei cuscuz marroquino.

Receita do Cuscuz Marroquino

2 xícaras de chá de cuscuz (vc encontra como Couscous no mercado, geralmente na parte de importados)

4 xícaras de água fervente

500 g de filé de frango cortado em cubinhos

2 latas de selete de legumes escorridas

1/2 maço de salsa e cebolinha picadinha

2 envelopes de temperos em pó Sinhá – sabor legumes ou frango

Modo de preparo:

Colocar o cuscuz numa vasilha e reserve. Ferver a água e misture um pacotinho do tempero em pó, mexer bem e despejar o líquido sobre o cuscuz. Deixe hidratando.

Enquanto isso, refogar o frango e os legumes com o outro pacotinho de tempero. Experimentar e acertar o tempero, caso seja necessário.

Em outra vasilha maior, misture o cuscuz já hidratado com o legumes e está pronto! Pode servir quente ou frio.

É excelente para comer com salada ou com uma carne grelhada.

couscous

Essa foi só a primeira parte do evento!

E já deixo aqui o meu agradecimento às organizadoras Sadhia Hage, do Artes da Sadhia na cozinha, Simony  Fragoso, do Mundo da Mony e Cássia Sofiati, do Raspa do Tacho.

E que venha o #5EBSPI!!

Beijos

EMPRESAS QUE MONTARAM SUAS STANDS

CAFÉS UTAM
CAFÉ IGUAÇU
PORTAO DE CAMBUI
QUEIJOS IPANEMA
MAVALÉRIO
MAGO
CASTELO
MARICOTA
SUPERMERCADO DIA
CRS BRANDS (CIDRE CERESER)
PERFETTO SORVETES
OLIVEIRA
SUCOS CAMP
WICKBOLD
QUEIJOS REGINA
FRES-COCO
ULTRAPAN FRUTARIA PREMIUM
SÓ BOLEIRAS
PRA FESTA
IZUMI
PLASVALE
JAGUAR
SAMIRA GHANNOUM
A ALPFILM
KUVINGS
ECOMART
AI9 UTILIDADES

Empresas que não estavam presentes com stands, mas enviaram os presskits.

CAFÉ PELÉ
MOCOCA
SAKURA
TRIO
BELARINA ALIMENTOS
GOMES DA COSTA
EMPÓRIO PONTO DOCE
ADRIA
NADIR FIGUEIREDO
WOW NUTRITION
HIKARI
SINHA
CARGIL

LOWCUCAR
COPRA

Casamento no bar

Olá deliciandos e deliciandas!!

Hoje, em dia, a vida moderna nos leva a fazer coisas rápidas e práticas em algumas situações.

Atendi um casal de noivos que decidiram casar em um mês porque surgiu uma viagem para outro país e eles iam para morar.

Aceitei o pedido e corri junto com eles para que saísse tudo a tempo.

Decidiram que a festa de casamento seria num bar, convidaram alguns amigos e eu lá fui montar a mesa no bar.

Seguem as fotos!

mesa

mesa1

mesa2

mesa3

mesanobar

Vai casar??

Entre em contato: andrea.janaina@deliciando.com.br ou pelo whatsapp: (11) 99724-7342